Tesla: Quem foi o visionário que dá nome à marca de automóveis

29/10/2019 | Belgrado, Cultura, Sérvia

Inventor, físico e engenheiro elétrico, Nikola Tesla nasceu, ironicamente, num dia de tempestade de raios, em 1856, na região da Croácia que então pertencia ao Império Austro-húngaro. A sua família era sérvia, de religião cristã ortodoxa e estes factos têm alimentado alguma rivalidade entre estes 2 países (Croácia e Sérvia) até aos dias de hoje, ambos reclamando o inventor como “seu”. Mas a este propósito o próprio disse, em 1936, o seguinte: “estou igualmente orgulhoso das minhas origens sérvias e da minha terra natal croata. Viva todos os jugoslavos”.

Estudou engenharia eletrónica na Universidade de Graz, na Áustria e, em 1889, mudou-se para os Estados Unidos da América para trabalhar com o famoso inventor, Thomas Edison. Apesar de Edison reconhecer talento a Tesla, considerava que as suas ideias eram impraticáveis.

Edison desafiou Tesla a melhorar o motor de corrente contínua, oferecendo-lhe uma proposta milionária. No prazo de 1 ano, ele também aperfeiçoou as 24 máquinas que o gerente da Edison Machine Works lhe tinha apresentado e pelas quais prometera 50 mil dólares de bónus, caso fossem melhoradas. Mais tarde Edison recusou-se a pagar, alegando que Tesla não entendia o humor norte-americano.

Nikola Tesla (esquerda) e Thomas Edison

 

A “guerra das correntes”

Uma de suas principais descobertas, a corrente alternada rendeu-lhe uma disputa de anos com Edison, que patenteou a corrente contínua. A corrente contínua é aquela que circula, por exemplo, nas pilhas, que flui constantemente entre o polo negativo e positivo. Na alternada, os polos são invertidos a todo momento e a eletricidade corre em ziguezague.

O funcionamento e aplicações da corrente alternada ─ a turbina de Tesla, o motor de indução e o transformador de alta voltagem ─ só se concretizaram em meados dos anos 1880, após o «divórcio» com Edison e quando George Westinghouse, dono da Westinghouse Electric Company, financiou o projeto.

O sistema de distribuição de energia, que usava transformadores de alta voltagem, permitiu que a eletricidade percorresse longas distâncias.

Graças a esta tecnologia, em 1895, Tesla e Westinghouse construíram a primeira fábrica hidroelétrica moderna, nas Cataratas do Niagára, no Canadá, que distribuía para Toronto, Boston, Filadélfia e outras cidades a quilómetros de distância.

Até então, a eletricidade só era usada para acender lâmpadas. É Nikola Tesla que inventa o motor de indução que permitiu que os prédios ganhassem elevadores, que as casas passassem a ter eletrodomésticos, entre outras inovações!

Tesla era sempre a cobaia das suas próprias experiências

 

A origem do Wi-Fi e outras invenções modernas

Ambicionando inventar a transmissão elétrica sem fios e grátis, Tesla criou o seu próprio laboratório. Em Madison Square Garden, no centro de Nova Iorque, apresentou um controlo remoto de um barquinho. Este foi o primeiro passo para a tecnologia do Wi-Fi. Em sua homenagem, edificou-se uma estátua em Silicon Valley, equipada com esta tecnologia.

A luz fluorescente, o raio laser, as comunicações sem fios, a transmissão sem fios de energia elétrica, o controlo remoto, a robótica, as turbinas de Tesla e as aeronaves de descolagem vertical são algumas das suas invenções. Registou mais de 700 patentes. Previu a exploração de energia solar e a potência do mar, bem como as comunicações interplanetárias e satélites.

Graças às ideias e tecnologia de Tesla, Marconi ganhou o Prémio Nobel da Física, em 1909. Tesla ficou furioso, sobretudo porque Marconi recebeu apoio financeiro do seu grande rival Edison. O tribunal rejeitou as patentes de rádio de Marconi por ser fruto do trabalho de Tesla, algo que aconteceu dois anos após a sua morte, em 1943.

Em Silicon Valley há uma estátua do inventor que proporciona Wi-Fi grátis!

 

De Tesla, inventor, a Tesla máquina

A empresa Tesla, especializada em carros elétricos, foi fundada em 2003 por Martin Eberhard e Marc Tarpenning, à qual se juntou, mais tarde, Elon Musk. A equipa tinha como objetivo desenvolver um carro elétrico a um preço acessível e decidiram homenagear o inventor dando o seu nome à nova empresa.

Um carro elétrico da Tesla em carregamento. Por Jeff Cooper (jecoopr) – flickr , CC BY 2.0,

 

O legado de Tesla

Quando Tesla morreu, o governo americano recolheu todos os seus bens, tendo devolvido alguns à sua família e outros foram doados para o Museu Tesla, em Belgrado, na Sérvia. Vários documentos pessoais continuam nas mãos dos Estados Unidos da América e nunca foram divulgados.

Sobre a guerra com Edison, Tesla disse “eu não me importo que me roubem a minha ideia, importo-me que eles não tenham nenhumas ideias próprias”. O inventor afirmou que “a ciência é apenas uma perversão de si mesma, a menos que tenha como objetivo final melhorar a humanidade.”

Na verdade, apesar das polémicas, os dois inventores tinham uma rivalidade cordial, tendo trocado cartas durante anos.

Nikola Tesla representa a força e inspiração para todos em nome da paz e da ciência. Um verdadeiro visionário muito à frente dos seus contemporâneos, no campo do desenvolvimento científico.

Museu Nikola Tesla em Belgrado, na Sérvia

No centro da cidade de Belgrado há um museu interativo dedicado à vida e invenções de Tesla, uma visita imperdível de apenas cerca de 45 minutos. O custo é de 500 dinares (4,25€) e a morada é Rua Krunska 51, Belgrado (em frente à embaixada espanhola).

Horário: 9:45 às 20:00 todos os dias menos à Segunda-feira (fechado todo o dia). Há visitas guiadas em inglês de hora a hora, a partir das 10:00.

Consulte a versão em inglês do site aqui.

 

Outras leituras de interesse:

Texto: Into the Balkans
Fonte: BBC e The Guardian
Fotos: tecmundo.com.br, 20minutos.es 

 

Este sitio es propiedad de la empresa Talas Travel, agencia de viajes nº 33/2015, de derecho serbio.

Diseño: Joana Figueiredo | Desarrollado por: Sites Sem Espinhas | Copyright: Into The Balkans

Suscríbete a nuestro boletín de noticias y gana 50 € de descuento en el siguiente viaje

Gracias por su inscripción.

Pin It on Pinterest

Share This