Kotor – O que ver no principal ponto turístico do Montenegro

A cidade de Kotor, situada num dos recantos da Baía de Kotor é um dos principais locais a visitar no pequeno país. A cidade encontra-se estrategicamente num local de difícil acesso, quer por terra quer por mar. Veja o mapa a baixo onde o ponto a preto representa a ilha de Mamula, na entrada da ilha, e o ponto a laranja marca a localização da cidade de Kotor. Nos confins da Baía e rodeada de enormes montanhas é realmente uma cidade de beleza ímpar onde a situação geográfica fala por si só: de qualquer ponto da cidade vemos mar, montanha e céu.

O amontoado de casas que compõe a cidade de Kotor, protegidas por mar e montanhas

 

Stari Grad – A Cidade Antiga de Kotor

Para quem já visitou Dubrovnik vai encontrar bastantes semelhanças: uma cidade histórica contruída em pedra, protegida por muralhas e o mais perto possível da água. Uma das diferenças é que a população no Montenegro é maioritariamente ortodoxa pelo que isso se reflete nas suas igrejas, embora a Catedral de Kotor (Katedrala Svetog Tripuna) na Praça Tripuna, seja uma das 2 catedrais católicas em todo o país e um dos locais mais visitados em Kotor.

Mas comecemos pelo princípio. A entrada na Cidade Antiga (Stari Grad) normalmente faz-se pela Porta do Mar onde nos deparamos com a Torre do Relógio na Praça Oruzja, a praça principal da cidade. Há ainda duas outras portas – a Porta do Rio e a Porta Sul.

Outro local de culto impressionante é a Igreja de São Nicolau, na Praça São Lucas, a mais importante da Igreja Ortodoxa Sérvia da cidade. Na mesma praça encontrará a pequena Igreja de São Lucas. Depois há várias outras igrejas e até mosteiros. A melhor forma de conhecer a cidade é percorrer as suas agradáveis praças sem rumo. Cada rua desemboca noutra e por trás de uma igreja surge uma praça inesperada!

A Catedral de Kotor. A cidade é um dos locais Património da UNESCO no Montenegro

A Torre do Relógio na praça principal de Kotor

 

Uma particularidade da cidade é o Museu dos Gatos de Kotor. E realmente a cidade está cheia destes felinos, estendidos ao sol e de caminhar lento!

Para os turistas mais destemidos recomenda-se a subida às muralhas da cidade, construídas sobre a enorme montanha. A subida é difícil, mas a vista compensa! São cerca de 1.250 metros de subida e 1.350 degraus que nos dias de verão podem ser um verdadeiro desafio. Leve água e calçado adequado e vá com tempo, vai precisar de cerca de 2 horas para subir e voltar a descer. A entrada custa 8€.

As muralhas de Kotor montanha acima!

 

Baía de Kotor – incontáveis pontos de interesse

Mas há mais. A Baía de Kotor é enorme e lindíssima e merece ser visitada. Se vier de carro de Dubrovnik para Kotor já terá oportunidade de apreciar todo o interminável cenário com várias baías a seguirem-se umas às outras, sempre dentro da Baía de Kotor. Pelo caminho poderá efectuar uma paragem nas vilas de Herceg Novi ou Perast (na foto de capa) para um café, uma fotografia e um mergulho! Se quiser encurtar caminho (ou um caminho alternativo no regresso a Dubrovnik) poderá apanhar um ferry boat entre Kamenari e Lepetane. O ferry parte a cada 15 minutos, 24 horas por dia entre Maio e Outubro e demora apenas cerca de 5 minutos!

No entanto a melhor forma de visitar essa imensidão de água rodeada de montanhas é, naturalmente, de barco! Estando em Kotor procure um dos barcos de recreio que normalmente saem das imediações da Porta do Mar. Há imenso para ver!… Praias remotas, ilhas e ilhotas com fortalezas e pequenas capelas, grutas com água azul e límpida, antigas instalações militares secretas!… Quem não gosta de um bom passeio de barco, sobretudo no verão!? O passeio completo demora cerca de 3 a 4 horas e leva-o a todos estes locais.

As ilhas de Nª Srª das Pedras e São Jorge na Baía de Kotor, Montenegro

Há várias opções, mas o básico é visitar a ilha de Nª. Srª. das Pedras, a pequena ilha artificial que alberga a capela homónima. Aqui as vistas são idílicas, como sempre água, montanha e céu são as únicas coisas que a vista alcança. Arriscamos dizer que nesta ilha o stress não entra! A partir daqui verá a ilha de São Jorge, com o seu mosteiro beneditino e o cemitério onde no passado se sepultava a nobreza de Perast e de outros locais vizinhos. Também terá uma vista privilegiada para a já mencionada vila de Perast, onde se destaca o campanário da Igreja e as enormes montanhas por trás. O cenário chega a ser chocante! Se tiver tempo faça o tour maior onde, para além dos locais descritos anteriormente, também passa pela ilha de Mamula. A pequena ilha no mar adriático alberga uma fortaleza de importância histórica e cultural, e que guarda a entrada na imperdível Baía de Kotor!

A ilha e forte de Mamula guardam a entrada na poderosa Baía de Kotor!

A ilha e forte de Mamula guardam a entrada na poderosa Baía de Kotor!

 

Por último se passar a noite na cidade não deixe de sair para dar uma volta a pé! As ruelas empedradas da cidade ganham outra mística, onde quase somos capazes de nos transportar no tempo para um passado medieval! E claro, não deixe de apreciar a beleza das muralhas iluminadas montanha acima!

As muralhas de Kotor iluminadas

 

Outras leituras de interesse:

Texto: Into the Balkans

Este site é propriedade da empresa Bússola Flexível Unipessoal Lda, registada no Turismo de Portugal com o nº RNAVT 8882.

Design: Joana Figueiredo | Desenvolvido por: Sites Sem Espinhas | Copyright: Into The Balkans

Assine a nossa newsletter e fique a par das novidades!

Obrigado pela sua inscrição.

Pin It on Pinterest

Share This